RenovaBio: menos poluentes, mais investimentos para o setor agrícola

De 28 de junho de 2019Notícias

Informações presentes em relatório do Sistema de Estimativas de Emissões de Gases de Efeito Estufa (SEEG),   com dados de 1990 até 2017, demonstram que o transporte é o principal emissor de CO2 do setor energético no Brasil, com 209 milhões de toneladas de emissões, o que representa 48% do total. Para contribuir com a mudança desse cenário, surgiu o programa RenovaBio, que busca conciliar segurança energética e redução de emissões de gases causadores do efeito estufa, em linha com a estratégia de negócio da Copersucar e de suas Usinas Sócias. Lançado em dezembro de 2016 e transformado em lei no final de 2017, o RenovaBio é uma iniciativa do Governo Federal para estimular a produção de biocombustíveis no país a partir de um mercado de títulos (créditos de descarbonização – CBio), gerados com base na Nota de Eficiência Energético-Ambiental das usinas.

A previsão é que o mercado de títulos comece a vigorar em janeiro de 2020. Para que as suas 35 Usinas Sócias estejam certificadas e preparadas para gerar créditos, a Copersucar tem realizado uma série de treinamentos.

RenovaBio: Bom para o planeta, ótimo para o Brasil!

 

Fonte: Copersucar

Deixe uma resposta