USINA SANTA ADÉLIA

Fundada em 1937, a Santa Adélia possui duas usinas localizadas nas cidades de Jaboticabal e Pereira Barreto, no Estado de São Paulo.

A organização conta com aproximadamente 3.800 colaboradores, que juntos contribuem para o crescimento e consolidação da empresa e das regiões onde está inserida. A corporação possui um rigoroso padrão de qualidade na produção de açúcar e etanol. Além disso, gera energia elétrica a partir da queima do bagaço da cana, que garante o consumo interno e a comercialização do excedente ao Sistema Interligado Nacional.

A capacidade de produção na safra 2020/2021 foi de 137 mil toneladas de açúcar, 322 milhões de litros de etanol, além da comercialização de 58,8 MWh por tonelada de cana de energia exportada, totalizando uma moagem de 5,8 milhões de toneladas de cana.​

A empresa oferece oportunidade de crescimento profissional, por meio de planos de carreira, benefícios educacionais e programas de formação e aperfeiçoamento. Destaca-se ainda pela atuação sustentável e acumula certificações e selos ambientais que solidificam ainda mais seu papel socioambiental.

Reconhecimento

Ao longo da sua história, a Usina Santa Adélia conquistou diversos prêmios, os quais reafirmam o seu compromisso com o desenvolvimento do setor. São nove certificados da “Empresa Campeã de Produtividade Agrícola” da região Centro-Sul do Brasil, classificando-se entre as 11 melhores empresas canavieiras do país, com excelente índice de produtividade e longevidade de seus canaviais.

Em 2007, recebeu o prêmio “Usina Modelo” da revista Visão da Agroindústria.

Em 2010, foi contemplada com o Prêmio Cana Invest 2010, promovido pela Revista Canamix, em Ribeirão Preto. A empresa foi premiada na categoria “Eficiência Industrial” pela tecnologia implantada no setor.

Na safra 2012/2013, a unidade de Jaboticabal alcançou o primeiro lugar em eficiência relativa entre as 153 usinas associadas ao CTC (Centro de Tecnologia Canavieira). Pioneiros foi a segunda colocada nesse ranking, seguida de perto por Pereira Barreto: a quinta classificada.

Em 2015, a Santa Adélia recebeu o Prêmio VisãoAgro, selo de reconhecimento às empresas, o qual atesta que as práticas de gestão e produção da organização estão adequadas em todos os níveis. A eleição aconteceu por meio de uma pesquisa realizada pela AR Empreendimentos, pelo GEGIS (Grupo de Estudos do Setor Sucroenergético) e pela Revista Visão da Agroindústria.

Em 2018, a Usina Santa Adélia foi a 3ª colocada no Ranking de Fornecedores de Açúcar do Sistema Coca-Cola Brasil, baseado no Supplier Maturity Continuum (SMC), referente ao ciclo 2017/2018. A excelente classificação atesta que todas as etapas do processo produtivo, da cana à industrialização, têm buscado constantemente o compromisso com a melhoria contínua.

Já o ano de 2019 foi repleto de conquistas para a Santa Adélia. Ela se tornou Campeã de Produtividade Agrícola no 21° Seminário de Mecanização e Produção de Cana na região de Ribeirão Preto, de acordo com a pesquisa realizada pelo CIC – Centro de Tecnologia Canavieira.

Também foi certificada como Top 3 do setor sucroenergético pelo prêmio MasterCana Social 2019, promovido pelo GERHAI – Grupo de Estudos em Recursos Humanos na Agroindústria, em parceria com a Pro-Cana Brasil, com a Campanha Natal Solidário.

E ainda alcançou o 2° lugar no Ranking de Fornecedores de Açúcar do Sistema Coca-Cola Brasil, baseado no Supplier Maturing Continuum (SMC), como um dos melhores fornecedores de açúcar cristal no ciclo 2018/2019.